Web Toolbar by Wibiya A obra - Livros - Chico Xavier

Ir para conteúdo

Bem-vindo ao site Chico Xavier
Crie sua conta agora para poder ter acesso a todas as funcionalidades e recursos. Para criar nova conta demora apenas alguns asegundos e vai poder criar tópicos responder a mensagens, interagir com outros usuários, baixar arquivos (downloads, apresentações, documentos,...) e muito mais!
Entrar em sua conta Criar nova conta agora

A obra

* * * - - 1 votos

  • Por favor, faça o login para responder
2 respostas neste tópico
Dothy
  • Administrators
  • 136 posts
  • Advanced Member
  • Last active: Set 27 2013 03:47
  • Joined: 09 Nov 2012
Chico Xavier psicografou 451 livros, sendo 39 publicados após a morte. Nunca admitiu ser o autor de nenhum deles. Reproduzia apenas o que os espíritos lhe ditavam. Por esse motivo, não aceitava o dinheiro arrecadado com a venda de suas obras. Vendeu mais de 50 milhões de exemplares em português, com traduções em inglês, espanhol, japonês, esperanto, italiano, russo, romeno, mandarim, sueco e braile.

Psicografou cerca de 10 mil cartas de espíritos para suas famílias. Cedeu os direitos autorais para organizações espíritas e instituições de caridade, desde o primeiro livro. Mesmo não tendo ensino completo, ele escrevia em torno de 6 livros por ano - entre romances, contos, filosofia, ensaios, apólogos, crônicas e poesias. É o escritor mais lido da América Latina.

Seu primeiro livro, Parnaso de além-túmulo, com 256 poemas atribuídos a poetas mortos, entre eles os portugueses João de Deus, Antero de Quental e Guerra Junqueiro, e os brasileiros Olavo Bilac, Cruz e Sousa e Augusto dos Anjos, foi publicado pela primeira vez em 1932. O livro gerou muita polêmica nos círculos literários da época. O de maior tiragem foi Nosso Lar, atribuído ao espírito André Luiz e publicado no ano de 1944, atualmente com mais de 2 milhões cópias vendidas, sendo o primeiro volume da coleção de 17 obras, todas psicografadas por Chico Xavier, algumas delas em parceria com o médico Waldo Vieira.

Uma de suas psicografias mais famosas, e que teve repercussão mundial, foi a do caso de Goiânia em que José Divino Nunes, acusado de matar o melhor amigo, Maurício Henriques, foi inocentado pelo juiz que a aceitou como prova válida (entre outras que também foram apresentadas pela defesa) um depoimento da própria vítima, já falecida, através de texto psicografado por Chico Xavier. O caso aconteceu em outubro de 1979, na cidade de Goiânia, Goiás. Na mensagem, o espírito de Maurício inocentou o amigo, dizendo que tudo não teria passado de um acidente.

Thumbnail(s) anexado(s)

  • livros chic (1).jpg


Gustavo Rettenmaier
  • Members
  • 3 posts
  • Pip
  • Newbie
  • Last active: Dez 26 2012 05:52
  • Joined: 09 Nov 2012
Dothy minha querida, estamos em um novo espaço de debate.

Guest_marcos assunção_*
  • Guests
  • Last active:
  • Joined: --
bom dia me tornei espírita a menos 2 meses mas desde criança aceito o fato da reencarnação só agora q comecei a participar de reuniões e estou mto feliz com minha escolha ja 2 de ZIBIA gasparetto e li o livro dos médiuns e to terminando o livro dos espíritos.




0 usuário(s) está(ão) lendo este tópico

0 membros, 0 visitantes, 0 membros anônimos